17 de julio de 2008

Nau à deriva

Pra quem nunca imaginou ver um dia um Dantas, um Cacciola, um Nahas, um Maluf - atrás das grades, ver um Mainardi, um Reinaldo, um Paulo Moreira Leite, um Herodoto, uma Lucia Hippolito, um Renato Machado, um Sardenberg, um Josias, um Olavo de Carvalho, um Políbio, uma Miriam Leitão - numa nau à deriva sem celular, sem notebook, sem tv e sem rádio, ouvindo apenas as músicas da Ivete Sangalo num MP3 vagabundo - não há de ser tão impossível.

No hay comentarios:

Blog Archive