25 de mayo de 2008

Senhora dos Afogados

Assisti à peça há algum tempo e na correria deixei pra falar dela com mais calma (depois de postar várias e diversas bobagens). Não há nada mais lindo que assistir a uma boa peça teatral. Desde a direção à performance dos atores, a emoção supera e muito à emoção provocada por um bom filme (é claro que sei a diferença entre um e outro, mas é uma opinião pessoal). A peça em si, não traz nada de novo. É algo minimalista e tudo gira em torno dos atores, da loucura, dos diálogos e da beleza visual. Lembro ainda das "caras e bocas" da atriz Angélica di Paula (Moema). Que esforço sobre-humano ela fez pra manter a personagem o tempo todo lá em cima. Transpira e provoca fervor, ansiedade, dor, repulsa e paixão com "P" maiúsculo. Admiro quem faz e vive de teatro. Já vi peças com no máximo 10 pessoas assistindo, e o povo todo no palco dando o máximo para ter uma boa apresentação. Uma pena que muitas vezes excelentes atores de teatro acabem se prostituindo pra fazer uma novela global. Uma pena. Entendo, mas lamento. E pra terminar apenas mais um detalhe que chamou à minha atenção. Muito já ouvi falar sobre teatro popular e entendo que seja o teatro a preços populares. Entretanto, todas as peças em cartaz na sua grande maioria não possuem preços acessíveis. Detesto isso. Uma arte que poderia ser universal fica restrita a alguns poucos felizardos. No dia que fui no SESC, o público era formado por moderninhos, universitários de classe média alta, senhoras bem vestidas, patricinhas & mauricinhos, casais aposentados com um excelente saldo bancário prontos pra sair do teatro e ir jantar no Gigetto, crianças bem alimentadas, quer dizer, a elite branca de São Paulo. Mais uma vez, uma pena.

2 comentarios:

Isa dijo...

Legal você falar de teatro, quase ninguém comenta sobre isso.
Dou muito valor à arte cênica, e aprecio desde o primeiro espetáculo até o último. Nenhum é igual. Sejam recheados de cacos, substituições, ou falhas técnicas, o resultado é sempre surpreendente e cada vez o final é mais interessante.

Beijos!

João. dijo...

ÚLTIMOS DIAS NO TEATRO ARTHUR AZEVEDO!



O Núcleo Experimental da Cooperativa Paulista de Teatro apresenta o espetáculo musical SENHORA DOS AFOGADOS, de Nelson Rodrigues. Em sua quinta temporada, o espetáculo dirigido por Zé Henrique de Paula e realizado pela produtora Firma de Teatro ficará em cartaz até o dia 25 de setembro/2008 no Teatro Arthur Azevedo, no bairro da Mooca em São Paulo. Contamos com a sua presença!



TEATRO ARTHUR AZEVEDO
(Av. Paes de Barros, nº 955 - Mooca)
Informações: 11 2605 8007
Entrada: R$ 15,00 (inteira) / R$ 7,50 (meia)
De 06/08/08 à 25/09/08
Somente as quartas e quintas às 21h00.




'...revelar o impulso que move cada um dos personagens e as conseqüências desse comportamento - se faz presente com bastante êxito na montagem e contribui para a empatia do público e para a compreensão dessa peça que não está entre as mais fáceis do autor. O resultado é uma linha de interpretação que não é nem 'natural', nem caricata, construída no difícil equilíbrio entre contenção e densidade. Seca, sem tons melodramáticos, com marcações precisas e não cotidianas, a encenação lança seu foco no patamar trágico, o mais relevante nas ditas peças míticas de Nelson Rodrigues.'

Beth Néspoli - Jornal O ESTADO DE SÃO PAULO.


'Também responsável pelo surpreendente Mojo, o diretor Zé Henrique de Paula reafirma seu talento ao transformar a tragédia escrita em 1947 em um musical. A história está intacta e traz a
densidade característica do universo do dramaturgo.' '... o bom elenco garante a tensão dramática.'

Dirceu Alves Jr. - REVISTA VEJA SÃO PAULO.




SENHORA DOS AFOGADOS de Nelson Rodrigues

Com

Einat Falbel - D. EDUARDA
João Bourbonnais - MISAEL
Lourdes Gigliotti - AVÓ
Marcela Piccin - MOEMA
Marcelo Góes - NOIVO
Thiago Carreira - PAULO
Alexandre Meirelles - SABIÁ
Elber Marques - VENDEDOR DE PENTES

VIZINHOS
Diana Troper
Fábio Redkowicz
Paulo Bueno
Thiago Ledier

MULHERES DO CAIS
Bárbara Bonnie
Bibi Piragibe
Carol Fioratti
Cláudia Miranda
Ci Teixeira
Karin Ogazon
Kelly Klein
Maíra Gomes
Patrícia Vieira

DIREÇÃO - Zé Henrique de Paula
DIREÇÃO MUSICAL - Fernanda Maia

(Piano - Fernanda Maia / Violoncelo - Kalyne Valente)
ASSIST DE DIREÇÃO - Fabrício Pietro
PREPARAÇÃO DE ATORES - Inês Aranha
ILUMINAÇÃO – Fran Barros
OPERAÇÃO DE LUZ – Karina Camillo
FOTOS – Guto Marques e Roberto Mourão
COORDENAÇÃO DE PRODUÇÃO – Cláudia Miranda
FIGURINOS - Zé Henrique de Paula
REALIZAÇÃO – Firma de Teatro



veja vídeo da peça em:
http://www.youtube.com/watch?v=capEf439dio

saiba mais visitando:
http://bocadecenacomunicacao.com.br/senhora/index.html

http://joaobourbonnais.blig.ig.com.br/

Blog Archive